sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Bolo de iogurte e limão siciliano


Oda al limón
De aquellos azahares,
desatados
por la luz de la luna,
de aquel
olor de amor
exasperado,
salió
del limonero el amarillo,
desde su planetariobajaron a la tierra los limones.¡Tierna mercadería!
Se llenaron las costas,
los mercados,
de luz, de oro
silvestre,
y abrimos
dos mitades
de milagro,
ácido congelado
que corría
desde los hemisferios
de una estrella,
y el licor más profundo
de la naturaleza,
intransferible,vivo,
irreductible
nació de la frescura
del limón
de su casa fragante,
de su ácida, secreta simetría.
En el limón cortaron
los cuchillos
una pequeña
catedral,
el ábside escondido
abrió a la luz los ácidos vitrales
y en gotas
resbalaron los topacios,
los altares,
la fresca arquitectura.
Así, cuando tu mano
empuña el hemisferio
del cortado
limón sobre tu plato
un universo de oro
derramaste,
una
copa amarilla
con milagros,
uno de los pezones olorosos
del pecho de la tierra,
el rayo de luz que se hizo fruta,
el fuego diminuto de un planeta.
 (Pablo Neruda, Oda al limon)




Assim como o Pablo Neruda, eu tenho paixão por limão, o simples cheiro da fruta me dá água na boca. Mas não sei escrever bem... só me resta fazer um simples bolo.  Ao menos ficou tão fofo e leve que quase diria que é um bolo-poema. :) 
Este bolinho de iogurte e limão siciliano, tão simples de preparar, fica inacreditavelmente gostoso. Não é doce demais, fica superfofinho, suja só uma tigela  para preparar, não precisa liquidificador, batedeira, bater claras em neve, nada. É só misturar os ingredientes. 
Perfeito para o chá da tarde, levei para o trabalho e terminou num instante. Foi muito elogiado. 
O glacê é opcional, mas é muito gostoso - e vamos combinar que o bolo fica lindo!

Ingredientes
3 ovos
1 potinho de iogurte natural
1/2 colher de chá de baunilha
1/2 xícara de óleo vegetal
3/4 de xícara de açúcar
1 1/2 xícara de farinha
1/2 colher de chá de sal
2 colheres de chá de fermento
1 colher de sopa de suco de limão siciliano
raspas da casca de 1 limão siciliano
1 colher de sopa de sementes de papoula (opcional)

Ingredientes do glacê (opcional)
1 xícara de açucar de confeiteiro
suco de limão siciliano
raspinhas da casca do limão

Modo de fazer
Pré-aquecer o forno a 180 graus. Untar e enfarinhar um forma de bolo.
Numa tigela, bater levemente os ovos, o óleo, o iogurte, o açúcar e a baunilha. Adicionar os ingredientes secos peneirados e misturar. Por ultimo juntar uma colher de sopa de suco de limão (el licor mas profundo de la naturaleza...), as raspas da casca do limão e a papoula.
Levar ao forno por 35 a 40 minutos. Quando o bolo crescer e dourar e o perfume que sabe a azahar encher a casa inteira, teste o bolo com um palito. Se sair seco, está pronto. 
Tirar o bolo do forno, deixar esfriando. Desenformar e colocar em um prato de servir.  
Para o glacê, ir colocando o suco de limão no açúcar de confeiteiro, colher por colher, mexendo. Logo que a mistura ficar cremosa e homogênea (a minha levou 4 colheres de suco de limão),  ir despejando, com ajuda da colher, em cima do bolo.  Se quiser, jogar raspinhas da casca de limão por cima do glacê.  

Um comentário:

  1. Que lindo e parece tão fácil, vou experimentar!

    ResponderExcluir

arquivo

blogroll