sábado, 7 de maio de 2011

Tempero caseiro

Sou macaco velho

Manjo de cumbuca
Eis o meu tempero
Como mestre cuca


Pouco açafrão
Pimenta um anda
Nem estragão
Nem noz-moscada
Meu tempero é sal


Dendê, "tantim"
Sálvia, a lembrança
Do alecrim
Só a "nuança"
Meu tempero é sal


Páprica
Penso e não ponho
Gengibre
Eu tenho e não boto
O louro
Eu tiro na hora agá


A salsa ia mas sai
A erva-doce acabou
O cravo
Eu cismo e não vai


Abuso
Do que não vou por
(Moacyr Luz/Aldyr Blanc, Meu tempero é sal)
Meu tempero também é o sal... mas gosto de ter na cozinha alguns temperos mais caprichados, que facilitam o preparo das receitas no dia a dia. O melhor dia para preparar os temperos é o dia da feira, com os produtos fresquinhos. 
Para o tempero básico,coloco no liquidificador três cebolas grandes, dois dentes de alho e algumas colheres de óleo. Bato até virar um creme e conservo em um vidro grande na geladeira. Dá para congelar também, mas não costumo congelar, pois preparo uma quantidade que vou usar em poucos dias. Quando vou preparar algum prato que inicia com o refogado de cebola, 'taco' algumas colheres desse tempero na panela e 'tá feito o carreto'. Nenhum cheiro de cebola ou alho nas mãos, nenhuma tábua ou faca para lavar...  é muito prático.
Quanto dá, faço a receita do tempero básico em dobro, e preparo algumas variações, com adição de sal, para temperar as carnes, para vinha d'alhos, etc. Faço três versões, uma com açafrão da terra, outra com tempero verde e outra bem picante. Os temperos usados podem variar, conforme o gosto e a disponibilidade.
Para a versão com açafrão da terra, preparo uma receita de tempero básico, coloco numa tigela dois terços da mistura, deixando um terço no liquidificador. Adiciono ao creme de cebola do liquidificador uma colher de açafrão da terra, duas colheres de suco de limão e duas colheres de sal, bato e coloco num vidro pequeno. Gosto de usar essa mistura para temperar o frango.
Para a versão apimentada, coloco no liquidificador metade do creme de cebolas restante, adiciono um pedaço de gengibre, duas colheres de suco de limão, duas colheres de sal e três pimentas vermelhas sem sementes. Bato e coloco num vidro. Esse creme lembra um curry vermelho, fica uma mistura bem picante, ótima para pratos de carne ou frango de inspiração tailandesa.
Para a versão verde, coloco o restante do creme de cebolas no liquidificador, misturo um maço de tempero verde (salsa e cebolinha), duas colheres de sal e bato até homogeneizar, depois coloco em um vidro.  Gosto de usar para temperar a carne, o feijão, e o que mais der na telha.
Os vidros dos temperos coloridos ficam bonitinhos e decoram a porta da geladeira:


Adoro ter esses temperinhos já prontos, são uma mão na roda especialmente naqueles dias em que você chega na cozinha apressada e todos estão com fome!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

arquivo

blogroll